Programa não alivia carga tributária

por FERNANDO JASPER
Setores como infra-estrutura, construção e eletroeletrônicos serão beneficiados pelas medidas fiscais do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), mas o pacote será insuficiente para reduzir a carga tributária, diminuir a burocracia e modernizar o sistema tributário brasileiro. A avaliação, divulgada ontem, é do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT). “As desonerações previstas pelo PAC vão resultar em uma queda de menos de 0,3 ponto porcentual na carga tributária brasileira”, disse o presidente do IBPT, Gilberto Luiz Amaral.

Segundo cálculos do instituto, a carga tributária atingiu o equivalente a 37,8% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2005 e subiu para algo entre 38,5% e 38,7% do PIB no ano passado. Para 2007, o IBPT projeta uma carga próxima de 38%, já incluída a redução dos tributos prevista pelo PAC. O governo federal estimou que a desoneração vai atingir o equivalente a R$ 6,6 bilhões neste ano. É pouco perto da arrecadação total da União, estados e municípios, que deve atingir algo próximo de R$ 870 bilhões em 2007, frente a um PIB superior a R$ 2,3 trilhões.

Em nota técnica sobre a seção tributária do PAC, o IBPT afirma que as desonerações de obras de infra-estrutura e da compra de perfis de aço, a ampliação do benefício tributário a microcomputadores e os programas de incentivo à TV digital e aos fabricantes de semicondutores são importantes para os setores envolvidos, mas, exceto no caso dos microcomputadores, não reduzem os preços dos produtos e serviços ao consumidor.

O instituto avalia que a única medida que beneficia todos os setores da economia é a ampliação do prazo de recolhimento do PIS/Cofins, em cinco dias, e do INSS, em oito dias. Ainda assim, o instituto considera que a ampliação reduz muito pouco a defasagem entre o tempo que uma empresa demora para receber pelas vendas que fez e o prazo para que ela pague os impostos referentes a essas vendas. Hoje, é comum que uma empresa recolha os tributos antes mesmo de receber pelos produtos que vendeu ou serviços que prestou. “Antes do PAC, a antecipação média era de 28 dias, caindo para cerca de 24 dias”, informa a nota do IBPT.

Fonte: Gazeta do Povo

Data da Notícia: 26/01/2007 00:00:00

Gostou do notícia? Compartilhe em suas redes sociais

dafabet

iplwin

iplwin login

iplwin app

ipl win

depo 25 bonus

slot deposit pulsa

1win login

indibet login

bc game download

10cric login

fun88 login

rummy joy app

rummy mate app

yono rummy app

rummy star app

rummy best app

iplwin login

iplwin login

dafabet app

https://rs7ludo.com/

dafabet

dafabet

crazy time A

crazy time A

betvisa casino

Rummy Satta

Rummy Joy

Rummy Mate

Rummy Modern

Rummy Ola

Rummy East

Holy Rummy

Rummy Deity

Rummy Tour

Rummy Wealth

yono rummy

dafabet