Arrecadação da Receita atinge R$ 30,611 bi em agosto e bate recorde

A arrecadação de tributos e contribuições federal totalizou R$ 30,611 bilhões em agosto. Mais uma vez, o valor é recorde para o mês. O crescimento real –já descontada a inflação– foi de 2,31%, segundo dados divulgados hoje pela Receita Federal.

No acumulado do ano até agosto, a arrecadação chegou a R$ 252,83 bilhões. Corrigida pela inflação, o valor chega a R$ 253,695 bilhões, um aumento de 3,14%.

A previsão de arrecadação para o ano, de acordo com um último decreto de execução do Orçamento, é de R$ 362,099 bilhões. No entanto, esse valor é da arrecadação líquida, livre das restituições. O número divulgado pela Receita é o bruto.

Além do recolhimento de tributos e contribuições por parte da Receita, a arrecadação da Secretaria de Receita Previdenciária chegou a R$ 10,897 bilhões. A variação real foi de 8,73%.

No acumulado do ano, a arrecadação chega a R$ 81,848 bilhões. O crescimento real é de 9,64%.

Fonte: Folha on line

Data da Notícia: 21/09/2006 00:00:00

Gostou do notícia? Compartilhe em suas redes sociais

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp