Receita nega pedido de mudar lei das micro

O pedido era a ampliação do período incluído na renegociação de dívidas com o fisco


O secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, negou o pedido de empresários que queriam alterar a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, que entra em vigor em julho.

O pedido levado por deputados era a ampliação do período incluído na renegociação de dívidas com o fisco.

Pela legislação aprovada no Congresso, os débitos contraídos até 31 de janeiro de 2006 poderão ser parcelados em até 120 meses.

Os empresários queriam prolongar esse período até 30 de junho de 2007, véspera da entrada em vigor da nova legislação, mas tiveram o pedido barrado por Rachid.

Fonte: Folha de S. Paulo

Data da Notícia: 22/06/2007 00:00:00

Gostou do notícia? Compartilhe em suas redes sociais

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp